ACIDENTE DEIXA CAMINHONEIRO FERIDO NA BR 101

Um homem de 21 anos ficou ferido em um acidente na BR-101, em Campos. Ele conduzia um caminhão carregado com pisos, que tombou na altura do distrito de Morro do Coco, próximo à divisa entre o Estado do Rio e Janeiro e o Espírito Santo, no início da tarde desta sexta-feira (13/12).

De acordo com a concessionária que administra a rodovia, o homem, que não teve o nome divulgado, recebeu os primeiros atendimentos no local e foi encaminhado para o Hospital Ferreira Machado (HFM).


Apesar da assessoria de imprensa da concessionária haver informado que a vítima foi socorrida em estado grave, a unidade de saúde informou, por meio de nota, que a vítima sofreu ferimentos sem gravidade e se encontra estável.


ACABOU O CHURRASCO!! PREÇO DA CARNE DEVE SUBIR ATÉ JUNHO DO ANO QUE VEM

A associação que representa os frigoríficos exportadores de carne bovina (Abiec) disse nesta terça-feira (10/12) que os preços da proteína em 2020 devem diminuir em relação a outubro e novembro, mas seguirão mais caros em relação ao período de janeiro e setembro.

“Não vai ficar nos patamares do momento de oscilação maior (outubro e novembro), mas não vai voltar aos preços ortodoxos de antes. Vai encontrar um ponto de equilíbrio”, completou.

Exportação recorde

A associação afirma que 25% da produção brasileira de carne bovina deste ano será vendida ao exterior, uma situação inédita no setor. A média histórica está entre 20% e 22%.

Com o resultado, 75% do que foi produzido ficou no mercado interno.

Com dados preliminares para dezembro, a venda de carne de boi para o exterior deve chegar a 1,82 milhão de toneladas, alta de 11,7% em relação a 2018. Em receita, o valor alcança US$ 7,45 bilhões (+13,3%).

Levando em conta apenas o mês de dezembro, a estimativa da associação é que o volume de exportação seja o segundo maior do ano, alcançando 185,3 mil toneladas, atrás apenas das 197,5 mil toneladas de outubro.

A disparada do preço da carne bovina veio para ficar. De acordo com dados do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), em novembro foi registrado aumento em 17 capitais brasileiras. Em alguns casos, a alta foi de quase 20% em relação a outubro.

O peso no bolso dos brasileiros não vai diminuir. Análises indicam que, pelo menos até os primeiros meses de 2020, a carne vai continuar subindo, acompanhando o aumento das exportações do produto e da demanda interna.


No fim de novembro, o presidente Jair Bolsonaro disse que não iria interferir no preço da carne bovina e ressaltou que acreditava que o custo iria cair. As afirmações foram feitas a populares na saída do Palácio do Alvorada. “Tivemos uma pequena crise agora [no preço da carne], mas vai melhorar. A carne aqui, internamente, daqui a algum tempo, acho que vai diminuir o preço”.

Saque complementar do FGTS será liberado no próximo dia 20

Medida vale para contas com saldo de até um salário mínimo.

A Caixa Econômica Federal vai liberar o saque complementar do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) a partir da próxima sexta-feira (20). Mais de 10 milhões de pessoas serão beneficiadas, segundo o  vice-presidente do Agente Operador da Caixa, Paulo Henrique Angelo Souza. A declaração foi feita em uma transmissão ao vivo nas redes sociais para explicar sobre o novo limite de saque.

Só terá direito ao saque extra quem tiver alguma conta de FGTS, ativa ou inativa, cujo saldo era de até R$ 998 (atual valor do salário mínimo) em 24 de julho deste ano. Quem tiver saldo acima desse valor na conta do FGTS só poderá retirar os R$ 500 originalmente previstos. O limite vale para cada conta, separadamente.

O limite do saque imediato subiu com a sanção da lei de conversão de medida provisória nº 13.932/2019.

Dessa forma, um trabalhador que tinha R$ 998 numa conta do FGTS e R$ 1 mil em outra conta até 24 de julho só poderá sacar R$ 998 da primeira conta e R$ 500 da segunda. Nesse caso, se o trabalhador tiver retirado R$ 500 de cada conta na primeira etapa do saque imediato, poderá sacar os R$ 498 restantes da primeira conta e não poderá retirar mais nada da segunda.

Para saber se tem direito ao saque adicional, o trabalhador deve consultar o extrato do FGTS na página na Caixa na internet. A consulta também pode ser feita no aplicativo FGTS, disponível nos smartphones dos sistemas operacionais Android, iOS e em computadores com o sistema Windows.

Para a consulta, basta o trabalhador digitar o número do CPF e a senha para verificar o extrato. Caso não tenha senha ou tenha se esquecido, o trabalhador deve cadastrar uma nova senha, mas, para isso, deve ter em mãos o Número de Identificação Social (NIS), que pode ser encontrado na carteira de trabalho, no cartão do cidadão ou no extrato impresso do FGTS.

Ao acessar a conta, o trabalhador deve clicar no botão Extrato Completo, onde aparecem todas as contas do FGTS, ativas e inativas, em seu nome. O correntista deverá clicar nas informações de cada conta. Caso tenha saldo de até R$ 998 em 24 de julho, poderá sacar até esse limite.

Se o trabalhador não tiver feito o saque imediato nos últimos meses, poderá retirar até R$ 998 da conta com saldo de até um salário mínimo. No entanto, caso já tenha feito a retirada, poderá sacar a diferença entre R$ 500 e o saldo remanescente.

Depósito automático

Quem tem conta na Caixa vai receber o depósito complementar automaticamente. Para quem não tem conta, é preciso buscar atendimento nas agências da Caixa, em terminais de autoatendimento e em casas lotéricas. “Quem não tem conta na Caixa saca nos terminais de autoatendimento, nas mais de 13 mil casas lotéricas no Brasil”, disse Souza. Ele explicou que não importa se a conta do FGTS é ativa ou inativa para fazer o saque.

O vice-presidente lembrou que no próximo dia 18 tem início o pagamento do saque imediato para os trabalhadores nascidos em novembro e dezembro. Por isso, agências da Caixa terão o horário de atendimento ampliado em 2 horas.

O dinheiro do saque imediato ficará disponível até o dia 30 de março de 2020.

AGENCIA BRASIL

Decisão do STF acaba com feriado bancário na Quarta-feira de Cinzas

O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, em sessão virtual, que é inconstitucional a lei do Estado do Rio que decretou feriado bancário na Quarta-feira de Cinzas.

Os ministros acompanharam, por unanimidade, o voto da relatora Rosa Weber que entendeu ser procedente a Ação Direta de Inconstitucionalidade ajuizada pela Confederação Nacional do Sistema Financeiro (Consif).

A entidade alegou que o feriado bancário na quarta-feira após o Carnaval causa prejuízos concretos às instituições financeiras e viola o princípio da isonomia, uma vez que não se estende aos demais trabalhadores.


Além disso, a Consif questionava a validade da lei sob o argumento de invasão de competência da União para legislar sobre Direito do Trabalho e regular o Sistema Financeiro, uma vez que os dias em que não há expediente bancário são definidos em normas federais.


A ministra Rosa Weber destacou que o Supremo possui jurisprudência sobre a questão da fixação de feriado local (municipal ou estadual) para categorias específicas, como a dos bancários, em detrimento de toda a coletividade.

Segundo ela, o STF decidiu que a decretação de feriado civil para bancários se insere na competência privativa da União.



Em Paraoquena Rio Pomba chega a nível de transbordo, mais começa a baixar

Hoje 13/12 nossa equipe ficou o dia todo monitorando o nível do Rio Pomba, em Pádua são duas estações de medição, uma em Paraoquena que sua cota de transbordo é 3m e 85cm, que as 15h chegou ao seu nível de transbordo segundo a medição do INEA, entramos em contato com o secretario de Defesa Civil o senhor Otony mais conhecido como Zuza, dizendo que não haveria risco, e que o nível iria começar a baixar em instantes, que até o momento esse é o curso normal do Rio Pomba.

Em Cataguases o Rio Pomba subiu, Mais baixou rapidamente.

A outra estação de medição do INEA e no centro de Santo Antônio de Pádua com a cota de transbordo em 5m, que na última atualização as 17h 30m está marcando 3m 86cm.

Segundo a secretaria de Defesa Civil de Pádua não a motivo para preocupação no momento, e que está monitorando.

Nossa equipe também está monitorando constantemente e também em contato constante com a Defesa Civil das cidades da região.

Pedimos aos leitores para ficarem ligados em nossa página onde a qualquer momento podemos entra ao vivo.