Forte ressaca atinge Guaxindiba e Marinha emite alerta de ciclone

A previsão de ciclone entre o litoral do Espírito Santo e o sul da Bahia, feita pela Marinha nesta sexta-feira 22/03, deixou o município de São Francisco de Itabapoana em estado de alertas.

 A Defesa Civil informou que ondas altas derrubaram árvores e quebraram parte do asfalto na praia de Guaxindiba.

O município de São Francisco de Itabapoana continua em alerta para um possível formação de um ciclone tropical no alto-mar. A partir de hoje o ciclone pode ser classificado como Depressão Tropical. Caso o vento supere 61km/h o fenômeno será reclassificado como Tempestade Tropical ¨iba¨, expressão em tupi-garani que significa ¨ruim.¨

Charge com Bolsonaro e Trump na cama gera polêmica e afastamento de professor em Campos

O professor de uma escola estadual em Campos dos Goytacazes, foi afastado, segundo a Secretaria de Estado de Educação (Seeduc), após aplicar uma atividade com uma charge onde os presidentes Jair Bolsonaro (PSL) e Donald Trump aparecem em uma cama.

A Seeduc informou que tomou a decisão de suspender o professor na quinta-feira (21). De acordo com o órgão, uma sindicância foi aberta nesta sexta para apurar o caso.

O professor disse ao G1 que não foi notificado formalmente. Segundo ele, a direção o chamou e informou que ele ficaria afastado apenas nesta sexta.

A secretaria disse que um outro docente será alocado para ministrar as aulas na unidade, sem a necessidade de interrupção das atividades e do conteúdo da disciplina.

A atividade que causou polêmica foi aplicada na aula de língua portuguesa para os alunos do 3º ano do Ensino Médio do Liceu de Humanidades de Campos. O conteúdo foi compartilhado nas redes sociais e chegou ao conhecimento da Seeduc.

O Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe) afirmou que está acompanhando o caso e que defende o direito do professor aplicar instrumentos pedagógicos em sala de aula.

O professor enviou uma carta ao G1 sobre o assunto. Segundo o educador, o mesmo texto foi enviado para a Seeduc.

Veja a íntegra do texto:

“Leciono português, literatura e produção de texto há quinze anos em várias escolas particulares e públicas, mas atualmente no Liceu de Humanidade de Campos me deparei com uma situação na qual nunca imaginei passar, nos meus piores pesadelos; a censura.

Venho por meio desta esclarecer a atitude covarde e descontextualizada em que postaram nas redes sociais um material dado em sala de aula, para os alunos do terceiro ano do ensino médio, portanto, futuros vestibulandos.

Trata-se de uma charge, entregue à tais turmas (3003/3005), material este muito comum nos vestibulares, em todas as disciplinas e com uma carga argumentativa bastante relevante no que concerne ao fato de que ao se depararem com tal tipo de texto, os discentes devem obrigatoriamente estar inseridos nos contextos político, econômico, social e cultural do mundo que os cerca, habilidades essas cobradas em vestibulares e no ENEM.

A charge, de autoria do chargista Victor Teixeira, trata-se de um contexto político amplamente divulgado na mídia do mundo inteiro. Assim, sua análise (contra ou favorável) ficou a critério única e exclusivamente dos alunos, usando para isso, seus próprios argumentos, não havendo assim, DOUTRINAÇÃO.

Dado o exposto, termino com a certeza do dever cumprido; o de desenvolver em meus alunos a criticidade na qual futuramente serão devidamente cobrados e na certeza deste mesmo dever, coloco-me a disposição para quaisquer esclarecimentos.

A foto é uma METÁFORA, ou seja nem tudo o que parece é…”

Polícia Realiza Grande Apreensão de Entorpecentes em Miracema

PM realiza grande apreensão de material entorpecente em Miracema. 
Na manhã deste domingo 24/03 Policiais Militares do 36°Batalhão procederam à Rua Profª. Maria Tereza Sodré Linhares no Bairro Vila Nova em Miracema/RJ, afim de verificar denúncia de que um nacional estaria usando uma casa abandonada para realizar a prática do tráfico de drogas. Guarnição ao chegar no local o acusado empreendeu fuga não sendo localizado, ao realizar buscas no interior da residência encontraram 05 sacolas com um total de 245 (duzentos e quarenta e cinco) pinos de cocaína. O fato foi apresentado na 137ª DP e material encaminhado ao PRPTC/Pádua.

MAIS UM ACIDENTE É REGISTRADO NA PONTE ENTRE ENTRE APERIBÉ E ITAOCARA

Duas pessoas ficaram feridas em um grave acidente registrado na madrugada deste sábado (23/03) na ponte que separa as cidades deItaocara e Aperibé. As vítimas estavam em uma moto, que foi atingida por um carro. O motorista fugiu sem prestar socorro.

Segundo inforações o Corpo de Bombeiros havia sido acionado para prestar socorro a vítimas de uma queda de moto na ponte, mas posteriormente a Polícia Rodoviária Estadual apurou que a moto, uma Honda Fan 125, havia sido atingida na traseira por um carro, cujo motorista fugiu sem prestar socorro.
Os ocupantes da moto, um homem de 23 anos, e uma mulher de 34 foram resgatados e encaminhados para o Hospital Municipal de Itaocara, onde seguem internados.
O hospital informou que o estado de saúdeo jovem é grave. O paciente segue na Unidade para Pacientes Graves (UPG) e aguarda transferência para o Hospital São José do Avaí. O quadro clínico da mulher é estável.

HOMEM É PRESO APÓS TENTAR SUBORNAR PM EM SÃO JOSÉ DE UBÁ

Um homem foi preso em flagrante pelo crime de corrupção passiva quando seguia em uma viatura da Polícia Militar até à 143ª Delegacia Legal de Itaperuna.

Para ser liberado, o detido ofereceu dinheiro aos policiais no início da madrugada desta sexta-feira (22). O infrator recebeu voz de prisão e permaneceu preso à disposição da Justiça na sede policial.

O homem foi visto em atitude suspeita em uma caminhonete S10 de cor prata. Ele foi abordado e o militares encontraram dois rádios comunicadores, aparelho bloqueador de sinal de satélite , telefone celular e uma bateria de automóvel, utilizada no bloqueador de sinal, com intenção de realizar roubo de caminhão de carga. Outros quatro suspeitos, não identificados, foram vistos em um veículo Saveiro de cor branca indo em direção ao município de São José de Ubá.