Temporal causa estragos em diversos bairros de Nova Friburgo

Um forte temporal na tarde deste domingo, 22, trouxe de volta o fantasma de um cenário trágico. A chuva torrencial, com ventania e granizo, lembrou milhares de friburguenses do terror vivido na madrugada de 12 de janeiro de 2011. 


O distrito de Amparo foi um dos locais mais afetados. A água invadiu casas, deixando um rastro de lama e destruição. Moradores perderam móveis, eletrodomésticos, alimentos e roupas, às vésperas do Natal. Segundo a Defesa Civil municipal, há 15 pessoas desalojadas,

Presidente voluntário da Cruz Vermelha de Nova Friburgo, Luiz Cláudio Rosa disse que a entidade atendeu a diversas ocorrências no distrito, junto com o Núcleo de Proteção da Defesa Civil Comunitário (Nupdec) da Associação dos Moradores de Amparo.

Voluntários da Cruz Vermelha ajudaram a resgatar três cavalos e duas pessoas, que ficaram ilhados em Amparo. Outra equipe da entidade ajudou a cortar árvores que caíram e bloquearam e estrada da Granja Spinelli, nas proximidades do Vale dos Pinheiros. 


Em Santa Bernadette, em São Geraldo, moradores ficaram sem energia até o início da madrugada desta segunda-feira, 23, devido à queda de árvores e galhos sobre a rede elétrica.

O balanço da Defesa Civil lista três imóveis interditados na Rua Raul Veiga, em Olaria, outro bairro muito afetado pelo temporal; inundação no Barroso (Amparo) com interrupção do tráfego atingindo diversas residências; enxurrada no Loteamento Tiradentes (Amparo); escorregamento no Jardim do Eden; e interdição de duas casas, uma no Sítio da Pedra e outra na Granja Spinelli. Todas as  ocorrências não tiveram vítimas.

Em nota emitida na manhã desta segunda, 23, a Defesa Civil informa que, em virtude das fortes chuvas, a Prefeitura de Nova Friburgo, através do gabinete do Prefeito Renato Bravo, mobilizou as suas equipes em regime de plantão, para acompanhamento in loco e atendimento das áreas que foram atingidas.

Estiveram presentes na reunião no gabinete do prefeito membros da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar e representantes das concessionárias de água e de energia, da Faol e da EBMA, tendo como objetivo a formação de um comitê emergencial.

De acordo com o Instituto Climatempo, o tempo segue instável na Região Serrana, com possibilidade de novas chuvas a qualquer hora. O mau tempo só deve dar trégua no fim de semana, mas novas instabilidades estão previstas para a segunda-feira, 28.

Até as 16h desta segunda, o Cras do Centro estará recebendo doações de roupas adulto e infantil e também de cama e banho para as famílias que ficaram desalojadas em virtude das fortes chuvas

. Produtos alimentícios não perecíveis também podem ser doados. Nos dias 26 e 27, as doações poderão ser feitas das 9h às 17h. O Cras Centro fica na Rua Mac Niven, próximo à Igreja Católica São Bento.

FONTE: A Voz Da Serra


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *