POLÍCIA AMBIENTAL FLAGRA EXTRAÇÃO ILEGAL DE OURO NO RIO PARAIBA DO SUL

Durante a manhã desta sexta-feira (21) agentes da Polícia Ambiental (3ª UPAm) flagraram uma balsa clandestina de extração de ouro no Rio Paraíba do Sul, nas margens de São João dos Quebrados, zona rural de São Pedro de Alcântara, distrito de Santo Antônio de Pádua.

Os policiais chegaram ao local após terem recebido uma denúncia de extração ilegal de ouro no trecho do rio. Uma guarnição da Guarda Municipal Ambiental de Santo Antônio de Pádua também participou da ação.

Dois suspeitos estavam na margem do rio realizando o garimpo manual. Foram apreendidos com eles um balde com cascalho e um vidro com substância similar ao mercúrio e ouro.

Um dos suspeitos, um homem de 55 anos, morador do distrito, informou ser o proprietário da balsa, enquanto que o outro, de 40 anos, morador de Cataguases (MG), seria seu funcionário.

Ambos foram encaminhados para a 136ª Delegacia Legal de Santo Antônio de Pádua, onde foram autuados por crime ambiental e liberados após registro de ocorrência. A Polícia Civil determinou que a balsa fosse periciada. Os materiais que puderam ser levados para a Delegacia ficaram apreendidos em cartório.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *