ITAOCARA REGISTRA PRIMEIRO CASO SUSPEITO DO CORONAVÍRUS

O município de Itaocara registrou o primeiro caso suspeito do novo coronavírus (COVID-19). A informação foi divulgada pela Secretaria de Saúde de Itaocara na manhã desta terça-feira (17). 

   Trata-se de uma paciente de aproximadamente 60 anos anos que teria viajado em um cruzeiro. Ela apresentou sintomas respiratórios e está internada em um hospital particular do município. O estado de saúde é estável e requer cuidados.

   Uma amostra de material foi colhida e encaminhada ao Laboratório Central do Rio de Janeiro (Lacen/RJ). Os resultados devem ficar prontos até sexta-feira (20).
   Ainda segundo a Secretaria de Saúde de Itaocara, outras doze pessoas que estiveram no mesmo cruzeiro e são do município foram orientadas a ficarem em quarentena (de 14 dias).


   A secretária de Saúde, Catia Sias, recomendou que a população tome cuidado com as notícias falsas divulgadas normalmente pelo WhatsApp. Ela também orientou a população a não viajar neste período, principalmente para áreas onde há transmissão local, como as cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e locais temáticos de Santa Catarina. Para quem viajou, a recomendação é de que fique em casa por pelo menos 14 dias.

   Outras medidas de prevenção que devem ser adotadas pela população em geral são: proteger nariz e boca ao espirrar ou tossir, não compartilhar objetos de uso pessoal como talheres e copos, lavar frequentemente as mãos (especialmente após espirrar ou tossir) e utilizar álcool em gel nas mãos.

FONTE FOLHA ITAOCARENSE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *